Polo universitário e IEFP na Figueira da Foz podem vir a funcionar no mesmo edifício, admite Santana Lopes

Santana Lopes, presidente da Câmara da Figueira da Foz admitiu, hoje, que o Sítio das Artes pode vir a acolher, em simultâneo, o polo de ensino superior da Universidade de Coimbra (UC) e o centro de formação do IEFP.

O edifício tinha sido cedido, pelo município, ao Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) a 24 de fevereiro de 2020, por um período de 50 anos, para a instalação de um polo de formação, mas, o atual presidente da autarquia tinha deixado cair o protocolo, por incumprimento do organismo público.
“A análise dos serviços jurídicos da Câmara confirma que esse contrato cessou, deixou de estar em vigor, e, portanto, o município está desvinculado do compromisso que existia”, anunciou, no início do ano, Santana Lopes.

O autarca, que vê naquele espaço a solução ideal, para instalar um polo de ensino superior, no âmbito de uma parceria com a Universidade de Coimbra, admite, agora, que as duas instituições podem vir a coabitar, no mesmo edifício, onde, já funcionou a antiga Universidade Internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.