Agressões na Figueira da Foz levam Câmara a tomar posição

A Câmara Municipal da Figueira da Foz, publicou um comunicado sobre os acontecimentos, que decorreram na madrugada do passado dia 24, onde ocorreu um tiroteio e agressões, na zona do Bairro Novo.

Em nota de imprensa, a camara figueirense lamenta os graves incidente, dizendo que, com o “devido equilíbrio e com a devida firmeza, agiremos nesse sentido com determinação”.

Ainda no mesmo documento, o município informa que o presidente da câmara Pedro Santana Lopes “já entrou em contacto com uma das vítimas, marido de outra pessoa agredida.”

De relembrar que, o executivo anterior, elaborou um projeto para a instalação de um sistema de videovigilância no Bairro Novo, cujo concurso não chegou a ser lançado, aparentemente por se estar em final de mandato, tendo transitado, para o atual executivo.

O projeto de videovigilância seria feito a partir da instalação de 16 câmaras, ligadas à PSP da Figueira da Foz, e, pressupunha, que o equipamento estivesse ativo, em determinados horários, de maior afluência à zona do Bairro Novo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.